Prefeitura de Encruzilhada do Sul 

Prefeitura de Encruzilhada do Sul



Acesso Rápido

Notícias » Prefeitura e SEBRAE divulgam o Programa de Compras Municipais para Micro e Pequenas Empresas

22/03/2016

         A possibilidade e as vantagens legais que têm as micro  e pequenas empresas em participar das licitações públicas foi o tema da palestra dos consultores do SEBRAE, Alexandre Schimidt e Luis Cunha, quinta-feira da semana passada, na Câmara de Vereadores. Eles mostraram, entre outros aspectos, que em municípios pequenos como Encruzilhada do Sul, a Prefeitura acaba sendo o maior comprador. “Se não houver uma organização no sentido das empresas locais participarem das licitações, o dinheiro acaba indo para outros municípios”, mostrou Cunha. Ele destacou que neste aspecto a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, já implementada no município, garante compras exclusivas para as MPEs, nos itens de contratação cujo valor seja de até R$ 80 mil.

 

      Visando preparar tanto a Prefeitura quando as MPEs para este processo, a prefeita Laíse Gorziza de Souza assinou com o SEBRAE um convênio. Dos 497 municípios existentes do RS, o SEBRAE está atendendo através deste convênio, 37”, destacou Alexandre Schimidt.  Desde a assinatura do convênio, com duração de um ano e meio, foi criado um grupo de trabalho no Executivo Municipal, que, juntamente com o consultor Luis Cunha, passou a acompanhar os processos internos das licitações para as MPEs. Diversas alterações foram feitas nestes processos visando facilitar a participação das MPEs nas licitações.

 

     Um dos aspectos elogiados pelos consultores do SEBRAE foi a criação pela Prefeitura, do Canal do Empreendedor (link: http://goo.gl/Ka37H0 ). A ferramenta, disponível no Facebook do Executivo, mostra, de forma intuitiva, os  vários passos para que as MPEs participem das licitações.

 

      “A Prefeitura está à disposição das MPEs para todos os esclarecimentos que se fizerem necessários com relação a participação nas licitações de até R$ 80 mil. É possível tal participação, eis que a burocracia foi reduzida e atualmente todas as MPEs podem ser fornecedoras  da Prefeitura, colaborando, desta forma, para que a economia local possa ser aquecida”, frisou Cunha>

Telefones Úteis